Procedimentos Combinados

A cirurgia plástica pode ser realizada em diversas partes do corpo, como mama, abdômen, glúteos, flancos, nariz, orelha, pálpebras, entre outras. A grande vantagem para o paciente em casos de cirurgias combinadas é que o tempo de recuperação é um só, otimizando o processo de recuperação e o retorno às atividades de rotina.

Vantagens de combinar cirurgias plásticas

Como os procedimentos acontecem na mesma cirurgia, a recuperação do paciente é simultânea, evitando que a pessoa passe novamente por outro procedimento, se submetendo a mais de uma anestesia e outro período de recuperação.

Do ponto de vista financeiro, a cirurgia plástica combinada também vale muito a pena, porque ao invés de pagar por duas ou mais internações, anestesias, medicamentos pós-operatórios e, dependendo da cirurgia, próteses e outros gastos, você vai pagar apenas uma vez.

Uma vez que todos os cuidados e protocolos de segurança são seguidos corretamente, a associação de cirurgias tem suas vantagens, como:

  • A realização de apenas uma consulta para avaliação pré-operatória
  • Uma única anestesia
  • Menor custo
  • Melhora do resultado final pelo efeito complementar de duas ou mais cirurgias
  • Período único de recuperação e afastamento das atividades sociais e trabalho

Os benefícios físicos da cirurgia plástica combinada são mais óbvios na medida em que os resultados podem ser comprovados progressivamente na fase de recuperação. Mas os ganhos emocionais podem ser ainda maiores, uma vez que muitas pessoas reconquistam a autoestima quando, enfim, realizam a associação dos sonhos e veem o corpo cada vez mais perto do desejado.

Premissas da cirurgia combinada

O bom estado de saúde do paciente é uma condição fundamental no planejamento de cirurgias combinadas, portanto, com os resultados dos exames pré-operatórios é possível avaliar quais procedimentos serão mais seguros para cada paciente. Não são todas as cirurgias plásticas que permitem combinação entre si, seja na hora de realizá-las ou na recuperação. Em tempo: nem todas as pessoas podem fazer cirurgias combinadas. Consulte a possibilidade com um cirurgião da Clínica Realize.

Um bom estado de saúde é condição fundamental para se realizar qualquer procedimento cirúrgico, ainda mais para este tipo de operação, que interfere em mais de uma região do corpo. Quem tem doenças ou condições crônicas como diabetes, pressão alta e problemas de tireóide, devem ter uma atenção especial.

Pessoas acima do peso considerado ideal pelo IMC, quem teve grande emagrecimento e fumantes e consumidores regulares de álcool também precisam de cuidados e orientações à parte. Por isso, quem pensa em se candidatar a essa opção de cirurgia, deve redobrar a atenção e cuidados com o organismo.

Igualmente importante é alinhar as expectativas ao que realmente a cirurgia plástica pode fazer por você. Nem sempre o que você está esperando é o resultado que realmente o procedimento vai trazer. Pense bem antes de tomar qualquer decisão.

Cirurgias plásticas combinadas mais comuns

Mamoplastia de aumento + Rinoplastia

Dentre as combinações mais comuns em consultórios de cirurgias plásticas está o aumento das mamas e a rinoplastia – procedimento que visa corrigir imperfeições funcionais e estéticas do nariz. Como ambas as técnicas são relativamente rápidas, não há extrapolação do tempo cirúrgico, sendo considerada uma associação segura para a paciente.

Lipoaspiração + Abdominoplastia

A lipoaspiração é indicada para retirar o excesso de gordura localizada, reduzindo o acúmulo de tecido adiposo, mas não trata a flacidez. Já a abdominoplastia corrige esse problema sem, no entanto, retirar o excesso de gordura localizada. Por isso as duas cirurgias acabam se complementando e são responsáveis por proporcionar um contorno corporal mais definido.

Lipoaspiração + Abdominoplastia + Mastopexia com Prótese

Os seios também costumam ser atingidos pela eliminação de peso e envelhecimento, e acabam por apresentar ptose (queda), flacidez ou ainda ficam desarmoniosos em relação ao contorno corporal. Os implantes de mama são indicados para as pessoas que estão insatisfeitas com o volume e a proporção dos seios, e a mastopexia resolve a ptose dependendo do grau e da qualidade da pele da paciente.

Não é difícil encontrar cada vez mais pessoas que buscam essa associação de abdominoplastia + lipoaspiração + mastopexia com prótese com o objetivo de harmonizar o contorno abdominal e equilibrar a proporção natural do corpo.

Mamoplastia de Aumento + Lipoaspiração Axilar

A mamoplastia de aumento, como já dissemos, é o implante de próteses de silicone nos seios. Quando associada à lipoaspiração axilar, que é feita naquela gordurinha que se acumula nas axilas, promove um aspecto não só mais firme, como também mais esbelto e harmônico, uma vez que ao combinar as duas cirurgias você melhora os contornos dos seios e remove o excesso de tecido adiposo na região das axilas.

Blefaroplastia + Lifting Facial

Outros procedimentos possíveis e comuns de se associar são a blefaroplastia e o lifting facial. A primeira é a cirurgia feita nas pálpebras, para proporcionar um aspecto mais jovem, descansado e harmônico. A segunda é a cirurgia plástica que levanta a pele do rosto, também proporcionando um aspecto mais jovem e descansado. Combinar as duas é uma boa pedida, porque você passa por apenas um pós-operatório.

Anestesia e tempo de cirurgia

Cirurgias muito longas ou muito extensas na área do corpo podem aumentar os riscos para o paciente. Por isso, quando se envolve mais de um procedimento, tudo precisa ser muito bem planejado e analisado.

Além do tempo da cirurgia, há o tempo da anestesia e estas duas condições associadas resultam em alterações no metabolismo e fisiologia do corpo, que são parecidos com o de um trauma – estresse cirúrgico. Por isso, precisam ser muito bem calculadas.

Repetimos: a cirurgia combinada não é para todo mundo.

Pré-operatório da cirurgia plástica combinada

Como depende bastante do tipo de cirurgia que você quer combinar, também variam bastante as indicações do médico para o pré-operatório. O que não varia é a necessidade de seguir à risca todas essas orientações para facilitar tanto a cirurgia quanto o pós-operatório, que é mais complexo por conta do combo de traumas que dois ou mais tipos de intervenções cirúrgicas causam no corpo. As orientações gerais são:

  • Respeitar o tempo indicado de jejum
  • Remover esmalte e não usar maquiagem no dia
  • Não fumar e nem beber nos dias que antecedem a cirurgia
  • Não usar medicamentos anticoagulantes

Pós-operatório da cirurgia plástica combinada

A logística pós-operatória é muito importante, porque algumas cirurgias demandam cuidados específicos no pós-operatório, como restrições de atividades e movimentos bem parecidos, enquanto outras não – o que impede de serem combinadas.

A liberação para atividades como caminhar, dirigir e trabalhar serão orientadas pelo médico, já que cada pessoa se recupera de forma individual. O período médio para que isso aconteça é de, geralmente, 3 semanas.

Vale a ressalva de que uma pessoa com disponibilidade para 1 mês ou mais de recuperação, com auxílio de outras pessoas, têm mais chances de passar por um pós-operatório mais tranquilo.

Os fatores que contribuem para o sucesso da cirurgia plástica combinada começam na escolha da clínica e do cirurgião plástico que fará o procedimento. É importante fazer a verificação de todos os registros e licenças, bem como as habilitações profissionais do médico escolhido, que deve ter o CRM ativo no estado em que o procedimento será realizado.

Além disso, é importantíssimo que o cirurgião seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, como todos os cirurgiões da Realize são.

Riscos

Os riscos também variam de acordo com o tipo de procedimento que se pretende combinar, mas os riscos mais importantes que devem ser evitados seguindo as orientações do cirurgião são:

  • Trombose venosa
  • Embolia pulmonar
  • Má cicatrização
  • Necessidade de uma cirurgia secundária
  • Infecção

IMPORTANTE: A decisão de se submeter à cirurgia é pessoal e é você quem terá de decidir se os benefícios atingirão os seus objetivos e se os riscos e complicações potenciais da cirurgia são aceitáveis. O cirurgião plástico ou assistentes vão explicar, em detalhes, os riscos associados à cirurgia. Você deverá assinar o termo de consentimento para assegurar que compreendeu plenamente o procedimento ao qual vai se submeter e quaisquer riscos ou complicações potenciais.

Pensando também na sua segurança, apenas as consultas da Clínica Realize são feitas em clínicas. Todos e quaisquer procedimentos cirúrgicos são feitos apenas em hospitais qualificados.